Você sabe o que são FATORES DE CRESCIMENTO?

Fatores de cresicmento é de conhecimento de todo mundo que trabalha com estética. De uns tempos para cá ele tem sido muito comentado entre cursos, congressos e palestras. Mas você sabe  que saão os fatores de crescimento? Se você sabe é a hora de aprimorar seus conhecimentos, se não é a hora de se aprofundar no assunto.

Bom, então vamos falar sobre os fatores de crescimento. Eles fazem parte de numa nova geração de produtos, que promovem resultados comprovados por estudos científicos e que vem ganhando cada vez mais espaço entre os profissionais da estética. Vamos estudar alguns desses Fatores de Crescimento e entender como eles agem de maneira específica na pele.

Eles têm função específica na pele e participam em várias etapas e processos do ciclo celular. São considerados moléculas proteicas produzidas pelo organismo que se ligam a outros componentes celulares e assim exercerem sua finalidade, sendo fundamentais para proteção, manutenção da integridade da pele e regulação de tecidos normais. Sem os Fatores de Crescimento, por exemplo, não ocorreriam os processos de cicatrização, por isso são indicações frequentes na recuperação de tecidos lesionados.

Quando presentes em cosméticos de uso tópico, atuam na recuperação/regeneração celular, melhora da cicatrização, tratamentos de rejuvenescimento (rugas e linhas de expressão), tratamento capilar (alopécia), clareamento, além de colaborar para a uniformidade da textura do tecido, tendo contribuição significativa ao proporcionar saúde para o tecido e beleza estética para a pele.

Alguns Fatores de Crescimento mais encontrados na cosmetologia, relacionados a importantes efeitos terapêuticos no tecido: Nanofactor – CG-EGF (Fator de Crescimento Epidermal), Nanofactor – CG-IGF (Fator de Crescimento Insulínico), Nanofactor – CG-VEGF (Fator de Crescimento Vascular), Nanofactor – b-FGF (Fator de Crescimento Fibroblástico básico).

Fique atenta, pois continuaremos este assunto no próximo post.

Um beijo,

Maíra Milreu.

Leia Mais

Aprenda a cuidas das temidas OLHEIRAS

 

Hoje as temidas olheiras estão entre os assuntos mais discutidos em encontro cosméticos não é mesmo? Mas você, de fato, sabe como tratá-las? No Blog de hoje vamos falar um pouquinho sobre a área dos olhos.

A região dos olhos é extremamente importante dentro da área facial da estética. À medida que o rosto envelhece, inúmeras características mudam com o tempo. As linhas de expressão se aprodundam, as sobrancelhas tender a cair, e a musculatura tende a começar a ceder, deixando assim o rosto flácido.

O sistema linfático envelhece, a circulação já não é mais a mesma e assim a região da parte inferior dos olhos começa a ser modificada. A coloração escurecida, a pele mais flácida e as bolsas de gordura se alojam no local.

Além de tudo isso que envolve o envelhecimento, existem alguns outros fatores que fazer com as algumas pessoas, mesmo que jovens, tenham olheiras. Como por exemplo, fricção excessiva por alergias, medicamentos que fazem vaso dilatação, uso constante de cigarros ou doenças do fígado e pâncreas.

Com toda essa informação muitas pessoas se perguntam, “mas olheira profunda é sinal de doença?”. Bom, a resposta é que não necessáriamente, mas sim, olheiras escuras ou profundas demais podem ser indícios de que tem algo errado com o organismo de sua cliente e o seu papel é aconselhá-la a procurarum médico para eliminar todas as possibilidades.

 

Compreender o impacto de tudo isso pode ajudar os profissionais da estética a decdir os melhores tratamentos e os mais efetivos quando o assunto for as temidas e insistentes olheiras. Abaixo estão alguns exemplos de substâncias importantes para um bom tratamento para região das olheiras:

 

Substâncias lubrificantes

Quando a pele começa a envelhecer (o que pode acontecer inclusive em uma idade bastante jovem), os níveis hormonais mudam e reduzem a produção de gordura, diminuindo a elasticidade da pele. Muitos clientes chegam às clínicas alegando falta de hidratação quando, na verdade, a pele contém uma quantidade razoável de água, mas não de óleo. Para resolver esse problema, os ésteres entram em cena. Quando aplicados sobre a pele, proporcionam uma imediata sensação de frescor e maciez

Substâncias hidratantes

Os hidratantes são vitais porque a área dos olhos é uma estrutura extremamente delicada. Manter a pele hidratada nesta área ajuda as atividades biológicas básicas, como a reconstrução celular normal, otimizando a estética da área. A hidratação também reduz linhas finas e rugas.

Ativos botânicos

Existem centenas de extratos botânicos disponíveis para reduzir as rugas, o inchaço e as olheiras. Mas é importante observar a formulação do cosmético antes de utilizá-lo. Se os ingredientes botânicos forem os últimos da lista de ingredientes, certamente o produto não será para esteticistas.

Os profissionais da estética devem se manter atentos ao tipo de conservantes utilizados nos cosméticos, pois alguns desses ingredientes podem irritar a área dos olhos com a frequência de uso. Esse problema é conhecido como uma reação de sensibilização na pele. Em geral, não é uma boa ideia usar cosméticos muito perfumados por essa mesma razão. Evite, ainda, produtos com sulfatos.

Peptídeos

Dependendo de sua estrutura, os peptídeos podem fazer muitas coisas, como ativar as células cutâneas para produzir colágeno, elastina e lipídios. Os peptídeos também podem regular as atividades biológicas das células. Existe uma regra geral que os profissionais devem seguir ao usar peptídeos ou outros ingredientes ativos, conhecida como a regra dos três Ds, em inglês: dose (quantidade), deepness (profundidade) e delivery (entrega). Em outras palavras, é importante usar a dose correta de ativos na pele, na profundidade ideal, e com o mecanismo de entrega adequado.  O excesso de substâncias pode irritar a pele, assim como sua escassez pode não tornar o tratamento eficaz.

 

 

Espero que vocês tenham gostado, nos vemos na próxima terça-feira com mais um post no blog.

Um beijo,

Maíra Milreu.

 

 

 

 

 

Leia Mais

Modernidade e praticidade nos tratamentos estéticos: Conheça a Carboxiterapia

Nosso novo curso de Atualidades em Dermato Funcional – Facial e Corporal vai trazer muitas novidades para você! E nós resolvemos fazer uma abordagem prévia de todos os assuntos abordados no curso e para isso faremos uma sequência especial de posts, cada um sobre um assunto específico do curso!O primeiro assunto que trataremos será a Carboxiterapia!

Em nosso curso você vai aprender conceitos básicos sobre o método, suas aplicações terapêuticas em tratamentos estéticos faciais e corporais (gordura, celulite, flacidez tissular,
olheiras, fibroses e estrias), técnicas de aplicação, combinações terapêuticas,
indicações e contras – indicações, além da prática clínica.

A Carboxiterapia é uma técnica na qual o gás carbônico (CO2) é injetado no tecido subcutâneo, sem dor, melhorando a circulação e oxigenação dos tecidos.
Uma vez que a Carboxiterapia também estimularia a formação de colágeno e novas fibras elásticas, ela também pode ser indicada para o tratamento de olheiras, papadas, e rejuvenescimento facial e corporal.

Se você quer se especializar nessa e em outras técnicas modernas e que vão permitir que você ofereça o melhor às suas pacientes, não perca tempo, inscreva-se já no curso Atualidades Dermato Funcional – Facial e Corporal.

Leia Mais

Curso imperdível: Aprenda as técnicas de Bambuterapia/ Pedras Quentes/ Massagem com conchas

Não é de hoje que os elementos naturais são utilizados pra nos proporcionar mais qualidade de vida e saúde, não é mesmo?

É o caso das Terapias Complementares, técnicas vindas de civilizações antigas, e hoje muito procuradas. Realizadas com produtos da natureza, essas terapias são conhecidas por serem relaxantes e por apresentar execelentes resultados estéticos.

Bambuterapia

A bambuterapia ativa a energia corporal e a circulação, elimina toxinas, promovendo a diurese e sudorese, melhora a oxigenação e nutrição celular, promove aquecimento e limpeza cutânea, reduz celulite, flacidez e gorduras localizadas, e melhora a permeabilidade dos ativos cosméticos.

 Pedras Quentes

As pedras quentes proporcionam relaxamento, aumentam a circulação sanguínea e auxiliam na energização dos meridianos. Já as pedras frias servem para tonificar os músculos da região facial, ajudando no tratamento de rugas.

Com a pressão e fricção das pedras no corpo é possível diminuir inflamações, auxiliar a regeneração celular, no tratamento anti-celulite.

Massagem com conchas

A Massagem com Conchas é uma técnica inovadora e diferenciada, originária da Alemanha. As manobras aplicadas são inspiradas em movimentos das ondas do mar, somadas às técnicas de Drenagem Linfática Manual.

Pode ser aplicada em todos os tratamentos faciais e corporais apresentando propriedades drenantes e revitalizantes.

Quer proporcionar a seus clientes esses tratamentos?

Então, você precisa aprender as técnicas de Bambuterapia, Terapia das Pedras e Massagem com conchas !

O Curso de Terapias Complementares acontece nos dias 31 de março. INSCREVA-SE e garanta já a sua vaga! Para mais informações CLIQUE AQUI.

Leia Mais
Página 1 de 1812345...10...Última »